APLB-Sindicato – Rede Estadual e Interior – A GREVE CONTINUA. REUNIÃO DAS ZONAIS NESTA QUARTA. ATO PÚBLICO QUINTA. E ASSEMBLEIA SEXTA-FEIRA

A GREVE CONTINUA. REUNIÃO DAS ZONAIS NESTA QUARTA. ATO PÚBLICO QUINTA. E ASSEMBLEIA SEXTA-FEIRA

24 de julho de 2012 103

A categoria mantém a greve iniciada em 11 de abril. A decisão foi tomada na assembleia realizada na manhã desta terça-feira, 24 de julho, no Colégio Central.

Após a assembleia, todos saíram em caminhada até o Campo Grande.

Nesta quarta-feira, 25, na capital, haverá reunião das zonais no Colégio Central, às 9 horas. No interior as atividades serão realizadas nas delegacias sindicais.

Quinta-feira, 26, os professores fazem um Grande Ato Público na Praça da Piedade, a partir de 9 horas.

Na sexta-feira, às 9 horas, assembleia geral no Colégio Central.

  

 

 

 

 

 

 

Fotos: Getúlio Lefundes

 

 

 

 

103 Comentários »

  1. pablo 2 de agosto de 2012 at 17:57 - Reply

    PT NUNCA MAIS. COLEGAS NOSSA LUTA CONTINUA AGORA TAMBÉM QUANDO RETORNARMOS EM SALA DE AULA.

    PT NUNCA MAIS. FORA TODA CORJA DO PT E COLIGADOS.

    FORA PTTTTTTTTTTTTTTTTTT FORAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    MINHA FAMILIA TODA IRÁ VOTAR CONTRA ESSA CORJA

  2. joe 30 de julho de 2012 at 10:28 - Reply

    Prezado IVO,

    Sentimos muito informar-lhe, que juridicamente e para TODOS EFEITOS DE LEI essas tuas “aulinhas”
    que você anda “dando” antes do encerramento deverão e terão que SER REPOSTAS. Pois esse MOVIMENTO NÃO FOI DO IVO, do João, do Pedro, do Paulo ou da Maria, FOI DA CATEGORIA E O GOVERNO DO ESTADO RECONHECEU O SINDICATO COMO REPRESENTANTE DA MESMA, CABENDO ENTÃO A RESOLUÇÃO DA CONTINUIDADE OU DO ENCERRAMENTO DA GREVE EXCLUSIVAMENTE A ASSEMBLÉIA.
    Só À PARTIR do ENCERRAMENTO da GREVE é que o ANO LETIVO COMEÇARÁ A CONTAR. INCLUSIVE O GOVERNO FEDERAL ATRAVÉS DO MEC ESTÁ DE OLHO NO “FAZ DE CONTA” DO WAGNER(Ivo é surpreendente, todo mundo sabe contar).

    Felizmente para uns e infelizmente para outros a democracia funciona assim, precisa ser “construída”.
    Como você pelo seu posicionamento, parece “estar alinhado” com o do atual Governador, eu gostaria de sugerir você que entregue da SEC uma RDV NEGATIVA abrindo mão de todas as vantagens históricas que a categoria obteve com muitas lutas e greves, bem como, que destines o aumentos e demais benefícios obtidos através deste tipo de movimento para o fundo permanente de suporte aos movimentos da categoria que irei sugerir que seja criado.
    Abraços,

  3. Professor Conciente! 29 de julho de 2012 at 23:29 - Reply

    Se é para desmascararmos o (des)governo em sala de aula , que assim o façam os colegas que retornaram as salas de aula, pois assim fecharemos o cerco a este Sr. J.WAIA facista. Os professores que se acorvardaram, poderam se sairbem, pois fazendo um trabalho em classe com os alunos para que o mesmo tomem conciência e vã para as ruas protestar, e aproveitando o ensejo, dizer logo aos mesmo que o ano letivo praticamente já está inviabilizado e que reposição de aula só existe quando a greve acabar. Portanto essas aulas de nada valerão. Certos estão os alunos que nem nas escolas estão indo , por que sabem que vão ter que irem depois mesmo, quando houver a reposição! E A GREVE CONTINUA COMPANHEIRO, principalmente agora sabendo que a Sra. 1ª Dama ganhando a furtuna pra nem na ALBA ,ir! É mole ou querem mais????? O caso é gravissimo e deveriam a sociedade civil começar a se manifestar amigos!! Já está passando da hora, pois 113 dias mais 12 dias ~serão 125 dias sem aula, e depois querem dizer que o ano letivo não está INVIABILIZADO! Mas como baiano é besta mesmo né??? Ou eles acham que baiano é OTÁRIO, né amigos do PTraíras????

  4. Manoel da Rocha Barbosa 29 de julho de 2012 at 12:28 - Reply

    GREVE DOS PROFESSORES ABALA POPULARIDADE DO GOVERNO

    CORREIO DA BAHIA – SITE BAHIA NOTICIAS (SC)

    A paralisação dos professores estaduais, que já ultrapassa os 100 dias, abalou a avaliação do governador e do governo do Estado. Segundo pesquisa do Instituto Futura em parceria com o jornal Correio, o índice dos soteropolitanos que consideram ruim ou péssima a gestão Jaques Wagner (PT) pulou de 36,1% em abril, início do movimento grevista, para 69,1% em julho. O efeito também atingiu a popularidade do governador, que em abril tinha aprovação de 23,6% da população (bom/ótimo) e neste mês possui penas 9,3%. A reprovação cresceu de 35,9% para 65,9% no mesmo período. O indicativo revela que para 87,7% dos entrevistados, a qualidade do ensino público é hoje o pior problema da Bahia, seguido pela saúde (ruim e péssima para 83,2%) e da segurança (73,9%). Para 86,7% dos entrevistados, o governo deveria atender às reivindicações dos professores. A condução do governo estadual na greve da Polícia Militar no início do ano é melhor avaliada (49,9% de aprovação x 46,1% de reprovação) do que na paralisação dos professores (51,6% desaprovaram). Contudo, o movimento grevista não conta coma simpatia unânime dos soteropolitanos e divide opiniões. O estudo revela que 52,9% são a favor e 44,6% são contra a greve. No universo pesquisado, 66,2% ou estudam ou têm alguém da família na rede pública estadual. Neste público, a greve também dividiu os entrevistados: 50% a favor e 49,2% são contra. Na divisão por classes sociais, a avaliação negativa da gestão estadual em julho cresce nas classes A/B, com 80,7% de ruim e péssimo contra 67,4% nas D/E. A nova classe média é um pouco mais generosa: 64,9% de reprovação. É ali que o governo estadual tem seu melhor desempenho com 13,8% de aprovação. Nas classes A/B, este índice cai para 5,3% de ótimo/bom, com 8,7% de aprovação nas faixas D e E. A pesquisa foi realizada entre os dias 16 e 19 de julho, com 399 entrevistas em Salvador. A margem de erro é de 4,9%. Informações do jornal Correio.

  5. Matheus 28 de julho de 2012 at 16:22 - Reply

    HÁ OUTRA SAÍDA, SE PROCURAR – VOLTAR SERIA DESCONSIDERAR, DESRESPEITAR COLEGAS QUE MORRERAM E SUAS FAMÍLIAS, TAIS COMO, AS DE ELIANA ANTÔNIA CUJA IRMÃ, CHAMOU PROFESSORES E MEMBROS DA APLB/SINDICATO, AO LADO DO CAIXÃO;E PEDIU QUE TODOS OLHASSEM O ROSTO DE SUA IRMÃ INFORMANDO QUE O DESEJO DA FALECIDA ERA QUE OS COLEGAS NÃO SAÍSSEM DERROTADOS DA GREVE. VOLTAR SERIA, DAR PODERES AO GOVERNO A FAZER COM VOCÊ O QUE PRETENDE, ANTES VOCÊ RECLAMAVA DA APLB, AGORA, AOS TRANCOS E BARRANCOS, A MAIORIA ESTÁ LÁ APOIANDO UNS AOS OUTROS COM MOÇÕES DE APOIOS CADA DIA CRESCENDO. E VAI JOGAR TUDO FORA!!!??? CORRA ATRÁS, TOME EMPRESTADO; SOFRA COMO NÓS QUE COMEMOS O PÃO QUE O DIABO AMASSOU NAQUELE MALDITO SAGUÃO DA ASSEMBLEIA PARA DEPOIS DE MAIS DE CEM DIAS RECUAR, OU É PORQUE ESTÁ MAL INFORMADO SOBRE AS AÇÕES A NOSSO FAVOR OU PORQUE ESTÁ CRENDO NAS BOATARIAS E FICA BUSCANDO JUSTIFICAR-SE. SÓ VOLTO COM A CATEGORIA – OS PROFESSORES DE GRANDE PORTE , PASSE BEM COLEGA !!

  6. joe 28 de julho de 2012 at 8:43 - Reply

    Para a “ANAPONE DO TJ/BA” … R$ 14.632,88 …

    FÁTIMA, … FÁTIMA … O TEU VIZINHO TÁ DE OLHO EM EM VOCÊ !!!

  7. No Limite 27 de julho de 2012 at 20:12 - Reply

    Estamos em momento atípico.
    De um lado, tentando segurar uma greve que há mais de cem dias não avança nas negociações.
    Do outro, a difiiculdade de mantermos as nossas necessidades básicas de nossa sobrevivência e outras pessoas que dependem de nós.
    Chegei ao meu limite, trabalhei 15 dias de julho e no meu contacheque está o valor proporcional aos dias trabalhados.
    Não me sinto humilhada, pois fomos a única categoria que conseguiu arrancar a máscara do PT.Somente nós conseguimos com bravura e resistência arrancar o véu que cobre uma política suja e damagoga do PT.
    Ogovernador não nos respondeu agora, mas daremos as respostas nas urnas.
    Perdemos a batalha, mas não perdemos a guerra.
    Irei explicar a todos os meus alunos o motivo da nossa greve e a maioria deles estão do nosso lado.
    Aos que continuam na greve , força.
    Aos que não suportaram a pressão financeira, devemos respeitar. Temos o livre árbitro de decidir até quando podemos ficar na greve.Dessa forma ,eles não devem ser criminalizados porque todos, dentro dos seus limites contribuiram para esta luta.

  8. Josemar Miranda 27 de julho de 2012 at 5:54 - Reply

    Olá colegas!
    Olha! Aqui no interior varias professores em assembleia voltaram o motivo maior salários, porém quem retornou desde o inicio de julho não recebeu, pois o salário veio zerado, penso que uma besteira retornar nesse momento, uma vez que estão fazendo de tudo para nos humilhar mais do que já somos.
    Pense! Mesmo retornando não vão receber sem um acordo coletivo para a classe, pois esse governo não está nem um pouquinho interessado em nossos problemas, a justiça baiana é a sua cara e a extensão da sua família e do seu governo.Portanto, não podemos recuar.

  9. entregando007 26 de julho de 2012 at 23:18 - Reply

    Atenção colegas! A primeira Dama Fatima Mendonça mulher de Ditador WAIA recebe R$ 14.600 no tribuna de Justiça da Bahia como auxiliar.pessoal vamos divulgar. Quem divulgou foi o Bocão News do Zé Eduardo hoje. E não tem verba para Professor. Vamos pessoal usar todos os meios para todos.

  10. Edson 26 de julho de 2012 at 21:18 - Reply

    Salário da Mulher de Jaques Wagner no Tribunal de J ustiça/Ba: $ 14.632,88_Assoc. de Pais e Aluno…
    De:CLAUDIA MARIA MARTINS DA Silva
    Amigos !

    Vejam o salário da atual mulher de Jaques Wagner, Governador da Bahia / PT, D. Fátima Mendonça. Vejam a coragem do Presidente da Associação de Pais e Alunos (AMAP) do Colégio Estadual Raphael Serravalle no bairro da Pituba, em Salvador/Bahia.

    Divulguem para todos os seus contatos. É muito grave isso. Mais de um milhão de crianças e jovens estão há mais de 110 dias sem aula na Bahia. É sua responsabilidade, também, enquanto cidadão, mesmo que não estude ou tenha familiares matriculados numa escola pública, se posicionar. A rede pública atende mais de 90% das crianças, jovens e adultos da Bahia e do Brasil na Educação Básica. Menos de 10% são atendidos pelo ensino privado na Bahia e no país inteiro.

    Os professores estão sem salários há quatro meses, porque pedem o cumprimento da Lei do Piso Nacional (22,22 %). Não estão pedindo aumento de salários. Pensem nisto ! Leiam o e-mail abaixo. Reflita !

    Roberto Magno
    A Primeira dama trabalha no TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA BAHIA ?

    O nome da primeira dama do estado MARIA DE FÁTIMA CARNEIRO DE MENDONCA mulher do governador JAQUES WAGNER consta na lista de servidores do Tribunal de Justiça da Bahia como Coordenadora de Assistência Médica com salário de : R$10.365,62, líquidos

    Perguntas:

    Fez concurso?
    Exerce o cargo?
    Enquanto isto ………os professores do estado, sem salários há quatro meses, mendigam por piso de $ 1.400,00.

    QUE VERGONHA !!!!!!!

    ………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

    NOME – MARIA DE FÁTIMA CARNEIRO DE MENDONCA

    LOTAÇÃO- COORDENACAO DE ASSISTENCIA MEDICA – SALVADOR
    CARGO – ASSESSOR DE SUPERVISÃO GERAL

    RENDIMENTOS

    Remuneração Paradigma ¹ 5.009,04

    Vantagens Pessoais ² 7.640,31
    Cargo em comissão 1.353,53
    Indenizações ³ 0,00
    Vantagens Eventuais ⁴ 0,00
    Total de Créditos 14.632,88

    DESCONTOS

    Previdência Pública ⁶ 1.680,35
    Imposto de Renda ⁷ 2.586,91
    Descontos Diversos ⁸ 0,00
    Retenção por Teto Constitucional ⁹ 0,00
    Total de Débitos ¹⁰ 4.267,26

    Rendimento Líquido ¹¹ 10.365,62

    Remuneração do Órgão de Origem ¹² 0,00

    Diárias ¹³ 0,00

    Lista completa de salários do TJ da Bahia.

    http://www5.tjba.jus.br/images/pdf/sistema_remuneracao_2072012.pdf

    http://www5.tjba.jus.br/images/pdf/sistema_remuneracao_2072012.pdf

    www5.tjba.jus.br

    http://www5.tjba.jus.br/images/pdf/sistema_remuneracao_2072012.pdf

    Repassando II – REQUERIMENTO DA AMAP APRESENTADO À GOVERNADORIA DO ESTADO DA BAHIA

    CORAGEM, NÃO ? LEIAM O TRECHO FINAL:

    AMAP – SERRAVALLE
    Associação de Mães e Pais de Alunas e Alunos do
    Colégio Estadual Raphael Serravalle

    Excelentíssimo Senhor Governador do Estado da Bahia

    A Associação de Mães e Pais de Alunas e Alunos do Colégio Estadual Rafhael Serravalle – AMAP/Serravalle, CNPJ 11173043/0001-95, entidade representativa legalmente constituída com endereço à Rua Arthur de Azevedo Machado, 1252, Ed. Yasmin, sala 301 – Costa Azul – CEP 41770-790, nesta Capital, por meio de seu presidente, vem requerer, na forma do artigo 10 da lei nº 12.527/2011, que sejam fornecidas as informações a seguir especificadas.

    1) Se a sua Senhora esposa, primeira dama do Estado, é a mesma MARIA DE FÁTIMA CARNEIRO DE MENDONÇA que consta na RELAÇÃO DE SERVIDORES DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA BAHIA, percebendo um salário R$ 14.632,88 (catorze mil, seiscentos e trinta e dois reais e oitenta e oito centavos);
    2) Em caso afirmativo, informar se na função de Assessora de Supervisão Geral da Coordenação da Assistência Médica – Salvador, a mesma frequenta o trabalho em obediência ao horário definido para todos os servidores daquele egrégio Tribunal ou goza de privilégios para conciliar, também, o comando das Voluntárias Sociais da Bahia, desde janeiro de 2007;
    3) Informar, também, há quanto tempo a Primeira Dama, exerce a referida função no Tribunal, se antes ou após a posse de V. Exa. no Governo do Estado da Bahia;
    4) Informar ainda como uma enfermeira servidora do Estado conseguiu tantos méritos para receber um rico salário de R$ 190.227,44 (cento e noventa mil, duzentos e vinte e sete reais e quarenta e quatro centavos), ao ano, cerca de 900% (novecentos por cento) a mais do que ganha anualmente um professor ou, o equivalente a 305 salário mínimos.
    5) Por fim, gostaríamos de obter um posicionamento de Vossa Excelência, se acha justo e merecido o rico salário de Dona Fátima Mendonça – caso seja ela mesma a servidora que consta na publicação do Diário Oficial do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia –, em detrimento dos humilhantes salários pagos pelo seu governo aos sofridos servidores.

    Salvador, 25 de julho de 2012
    Antonio Daltro Moura
    Presidente da AMAP

    ……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

    A propósito, leiam os artigos que escrevi e publiquei no meu blog – Loucos por Tecnologias, e reflitam sobre como as novas tecnologias da informação e da comunicação (TIC), nos permitem estarmos agora tomando conhecimento desses assuntos, que antes ficavam restritos aos “subterrâneos” das “safadezas” do Poderoso de Plantão.

    Como as Redes Sociais Repercutem as Cenas do Cotidiano: a greve dos professores da rede pública estadual da Bahia e a Festa do 2 de Julho de 2012 na Internet

    O Governador Jaques Wagner do PT da Bahia Deixa Mais de Um Milhão de Crianças e Jovens Fora da Sala de Aula, Motivado Por Birra e Vingança

    Blog Loucos por Tecnologias

    http://loucosportecnologias.blogspot.com.br/

    Eleições 2012. Acesse o blog Serravalle na Africa do Sul:

    http://serravallenaafricadosul.blogspot.com.br/

    Forte abraço,

    claudia martins

    Repassando III – José Medrado Enaltece os Professores: “Valentes e bem ousados”

    “Valentes e bem ousados” – José Medrado destaca a garra dos Professores em artigo do Jornal A Tarde !

    Enquanto alguns veículos de comunicação apostam e alardeiam sobre um racha interno no movimento grevista, o mestre em família pela Ucsal, líder espírita e fundador da Cidade da Luz, José Medrado, prefere destacar a garra e ousadia dos professores que resistem bravamente, e que segundo ele, “estão fazendo história” servindo de exemplo e modelo para outras classes de trabalhadores em todo o país. Leia o artigo “Greve e Valentia” publicado na edição impressa do Jornal A Tarde, desta quarta-feira, 25 de julho, na página A3 – Opinião. Acesse o site da Cidade da Luz, abaixo e leia na íntegra:

    http://www.cidadedaluz.com.br/site/medrado/atarde_full.php?subaction=showfull&id=1343206365&archive=&start_from=&ucat=2&amp

  11. Ronaldo 26 de julho de 2012 at 19:03 - Reply

    A greve é apenas uma forma de luta, podemos usar outros instrumentos da luta, como desmascarar o governo nas nossas aulas, até fecharmos o acordo, para não ficarmos isolados.Devemos passar para outra fase da luta com grevilhas, denunciando o governo.A luta continua.

  12. Carol 26 de julho de 2012 at 18:20 - Reply

    Deveriam respeitar a decisão da maioria.A greve só irá terminar, se A GRANDE MAIORIA, em assembléia, assim desejar. Respeitem seus colegas e o movimento . FIM DE PAPO!

  13. Carol 26 de julho de 2012 at 18:11 - Reply

    SISSA, PQ TODO CASTIGO PRA PELEGO É POUCO! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • PROFESSORA 27 de julho de 2012 at 23:50 - Reply

      Querida, cuidado….vc não sabe o que está dizendo!

  14. entregando007 26 de julho de 2012 at 17:29 - Reply

    Atenção Professores! Sabe porque O ditador Presidente da AL Marcelo Nilo é contra o aumento dos professores, é facil sua mãe Tania Bacelar e sua filha Flavia Bacelar e primas são empregadas na Assembleia Legislativa e são Fantasmas com salarios de até r$7.300.00 Professores pode ter certeza quem passou foi uma pessoa que trabalhar lá, vamos divulgar em todos os meios de comunicação e chega de professor ser Massacrado por esse Governo mentiroso e Ditador. Ele tem telhado de vidro. Colegas vamos continua a luta é nossa ora de Moralizar a Educação. Firmes e divulguem esse Absurdo.

  15. Professor Conciente! 26 de julho de 2012 at 17:12 - Reply

    Os pseudos professores PTraíras, devem ter se formado na base da pesca nas universidades que estudaram, pois os verdadeiros PROFESSORES sabem o quanto tiveram que estudar para se tornarem educadores concientes dos seus deveres e de seus direitos. Então colegas para os guerreiros educadores a GREVE DEVE E VAI CONTINUAR e já os pêleguinos que retornaram ou querem retornar , os meus sentmentos por serem covardes, traídores e infiéis ao movimento que luta por aquilo que é nosso por direito….. E A GREVE CONTINUA…… ATÉ A VITÓRIA……

  16. Realidade 26 de julho de 2012 at 16:59 - Reply

    Dei uma passada nas ecolas públicas hoje e vi um faz de conta . Realmente as escolas tem alguns alunos rodando nos pátios, em media 10% dos professores efetivos das Unidades Escolares. Então, passei nas escolas Pólos, o cenário não era diferente, apenas percebi que haviam um percentual um pouco maior dos colegas traíras, mais ou menos 15% d quadro efetivo das U.E.. Então, a verdade é que o governo continua fazendo propaganda enganosa , em uma das escolas os meninos da 1º e 2º séries estavam chateados , pois estavam nas unidades pólos sem terem aulas, pois so haviam aula para as turmas da 3ª série do ensino médio. Então conseguir ter um real cenário da greve, isto é mais ou menos 80% das escolas estão sem aula e mais ou menos uns 20% dos colegas pêlegos voltaram a dar aula. Portanto companheiros a GREVE CONTINUA

  17. joe 26 de julho de 2012 at 16:09 - Reply

    SISSA querida,

    Esse GOVERNICHO não pode ser simplesmente ENTENDIDO, ele deve ser INTERPRETADO … essa medida visa DIVIDIR A CATEGORIA … observe que o seu sentimento NÃO É DE INJUSTIÇA, e sim, DE BRONCA PORQUE O OUTRO RECEBEU … no fundo, a idéia é te fazer pensar que o outro é pelego ou que é “assim com os homens” (com a direção) que não enviou as faltas dele.

  18. joe 26 de julho de 2012 at 16:00 - Reply

    Sem contar a nossa ABSURDA CERTIFICAÇÃO que está ATRELADA ao sucesso ou fracasso dos alunos de dois anos atrás. ME DIGAM OUTRA CATEGORIA PROFISSIONAL EM QUE ISSO OCORRE. Sem contar, a ilegalidade penal, de uma pessoa ser beneficiada e/ou punida em função de atitudes e de desempenho de terceiros. … É A CRIAÇÃO DE UM NOVO CPC e CPP, ou seja, DE UMA NOVA ORDEM JURÍDICA.

  19. joe 26 de julho de 2012 at 15:48 - Reply

    Pensem bem, não é só o nosso presente. O futuro tanto nosso quanto dos futuros professores, ou seja, da CARREIRA DE PROFESSOR(se é que ela existe!!!) que foi posta em XEQUE, não só pelas leis inconstitucionais. EXISTEM muitos outros atos desse GOVERNICHO, que se aproveitando do nosso movimento EDITOU UMA UM IMENSO NÚMERO DE PORTARIAS(como é de seu hábito), e as publicou.

    Algumas medidas, já vinham sendo insistentemente propostas e colocadas pelos diretores, vices e professores da BASE DO GOVERNICHO. Aproveitando a GREVE esse GOVERNICHO MANDOU BALA. A seguir vou listar algumas:

    (01) RECUPERAÇÃO PARALELA – NUNCA EXISTIU NO ESTADO e a LDB só prevê a recuperação de final de ano. Essa “PAGELANÇA” pedagógica que foi “IMPORTADA” dos Municípios só tem o mesmo objetivo que tem nos mesmos … APROVAR TODO MUNDO NO BEIÇO!!! … Para nós, nos aumenta o trabalho SEM PAGAR AS HORAS EXTRAS DE LEI!!!

    (02) PRESENÇA DE ALUNOS NO CONSELHO DE CLASSE … Quem irá zelar pela segurança dos professores … dos carros que forem riscados e etc …ESSE TIPO DE INTERFERÊNCIA PROFISSIONAL É INIMAGINÁVEL … imagine o cenário … Um magistrado dando a sentença sofrendo a interferência na mesma do autor do delito … OU … Um cirurgião fazendo a cirurgia de um filho de uma mãe para salvar-lhe a vida … e a mão SE QUEIXANDO QUE E ESTA CORTANDO O FILHINHO DELA!!! … Para nós, MAIS UMA TENTATIVA DE PRESSÃO PARA APROVAÇÃO NO BEIÇO!!! sem recebermos o adicional de 30% de PERICULOSIDADE como determina a Lei!!!

    TEM MUITO MAIS!!! … Agora, vamos relaxar um pouco …

    Com um GOVERNICHO como esse, DÁ PARA PENSAR EM COBRAR ATÉ OS 20% DE INSALUBRIDADE POR TER QUE AGUENTÁ-LO!!!

  20. Serena Araújo 26 de julho de 2012 at 14:01 - Reply

    Serena Araújo 25 de julho de 2012 at 12:47 – Reply
    URGENTE!!
    PETIÇÃO PÚBLICA DOS PROFESSORES ESTADUAIS DA BAHIA
    ACIONE O LINK E PARTICIPE DO ABAIXO ASSINADO.
    http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2012N26950

  21. Acordo é para sem cumprido 26 de julho de 2012 at 13:59 - Reply

    Chegou a hora de mudar a estratégia.
    SGE lembram? Sem notas, sem SGE, sem matrículas. Nada de tocar nenhum projeto da SEC.
    Alguns colegas fracos estão participando de seleções para professores articuladores dos projetos “desestruturantes: gestar, em ação, ciência na escola” e dessa forma se livrar da sala e da reposição. Acorrrdaaaa CADÊ a APLB?

  22. Professor oprimido 26 de julho de 2012 at 13:00 - Reply

    Parabéns pela resistência de todos os professores,que ainda continuam como eu nessa greve histórica.Eu sei que não tem nada haver com a greve ,mas ontem no BA TV eu vi uma reportagem sobre uma adolescente que contraiu Hiv através de uma transfusão de sangue,os pais acionaram a justiça e finalmente saiu a liminar em que o estado deveria pagar 100mil reais ,mais uma pensão vitalícia de 2000 reais ,no final da matéria o reporter falou que o governo vai recorrer da decisão.Que governo desumano,”ESSA É A TERRA DE TODOS NÓS”.

  23. SISSA 26 de julho de 2012 at 11:35 - Reply

    NÃO ENTENDO PORQUE ALGUNS PROFESSORES QUE RETORNARAM AS SALAS DE AULA ESTÃO RECEBENDO O SALARIO E OUTROS NÃO. ALGUÉM PODERIA ME RESPONDER? POIS CONHEÇO PROFESSOR DE UMA ESCOLA EM ITAPUA QUE VOLTOU DESDE O DIA 1/07 E ATÉ HJ ND.

    • Acordo é para sem cumprido 26 de julho de 2012 at 21:04 - Reply

      Por que é considerado retorno parcial.. então não tem pagamento até que a greve termine, sugiro que esses voltem para o movimento pois se é para ficar sem salário é melhor fortalecer o movimento para que a situação saia do impasse. Voltem para o movimento aqueles que estão sem salários é a melhor forma de pressionar nessa hora. A GREVE CONTINUA!

  24. INHO INHOS 26 de julho de 2012 at 10:25 - Reply

    OS PROFESSORES SÃO FORMADORES DE OPINIÃO. VAMOS USAR ESTA FERRAMENTA PARA MOSTRAR AOS POLITICOS QUE NÓS TEMOS CONHECIMENTO/SABEDORIA PARA LIDAR COM OS DOMINADORES. NÃO VAMOS ESQUECER QUE OS ALUNOS SÃO JOVENS CHEIOS DE ENERGIA E ELES CHEGARÃO EXIGINDO ALGO QUE ELES MESMOS NÃO SABEM EXPLICAR E CABE A NÓS PROFESSORES ORIENTA-LOS NA DIREÇÃO CERTA.

  25. Silvânia 26 de julho de 2012 at 9:47 - Reply

    Creio que os vários depoimentos já demonstram que não há clima para permanecermos em greve.Na Cidade Baixa, colégios grandes como Costa e Silva e Oscar Cordeiro decidiram retornar às aulas. “Comunicar” a pausa na greve pela própria APLB na assembléia de amanhã pode ser a melhor estratégia e retornar na segunda em “estado de greve”, seria uma saida honrosa.

  26. raimundo paixão 26 de julho de 2012 at 8:49 - Reply

    A independência dos Três Poderes que rege a aliança democrática deve ser mantida. A obediência à lei gerada pelo poder Legislativo e aprovada pelo Executivo deve ser conduzida e aplicada pelo Poder Judiciário. Levantar o martelo sem dar fundamento da ilegalidade de qualquer movimento ou demanda da sociedade indica quão é ameaçador a continuidade da Democracia. É sabido que o Governador faz uso indevido da FUNDEB sem licitações com recursos aplicados a sua conveniência, numa demonstração clara de improbidade pública. Sabemos que o Governador Jaques Wagner desobedece a aplicação da Lei do Piso afinado com os anseios da totalidade dos professores.Entendemos que ele descumpriu o acordo assinado em novembro de 2011 e publicado no diário oficial.A sociedade espera que os egrégios e respeitáveis senhores do gerenciamento da Lei se pronunciem e desempenhem integralmente o seu papel para que a Democracia prevaleça e não se avizinhe do caos.

  27. CHAYENE 26 de julho de 2012 at 8:06 - Reply

    Esta noite eu sonhei que assistia uma luta do UFC e os oponentes da arena eram Jaques Wagner (Peso pesado) X Professor (Peso Pena). Não estava entendendo como duas categorias diferentes se enfrentavam, mas mesmo assim vibrava com a sequência da luta. O tal lutador Peso Pesado era totalmente castigado, e no final vibrei como nunca. Incrivelmente o Peso Pena saiu vencedor e o seu adversário completamente humilhado e vaiado pela plateia presente. Acordei gritando de euforia e percebi que era apenas um sonho.

    Vamos transformar isso em realidade através da votação nas próximas eleições e derrotar todos os Pesos Pesados do PT.

    PT na Bahia nunca mais!!!!!!!!!

  28. Revolucionário da Edcação 26 de julho de 2012 at 7:18 - Reply

    Já somos vitoriosos pois conseguimos derrubar as máscaras desse governo e cordão de puxa sacos.
    Nosso erro é persistir naestratégia de ficarmos sem dar aula, nossa vitória será nas urnas, varrendo o lixo e colocando no lugar que merece!
    Nossos alunos merecem nosso respeito e aos maus políticos, nosso desprezo um grande NÃO nas eleições!
    O PT pagou com traição agora vai receber um grande NÃO nas eleiçoes!
    MOBILIZAÇÃO EM OUTUBRO, CONSCIENTIZAÇÃO DOS ELEITORES, PT NUNCA MAIS!

  29. Embargadora 26 de julho de 2012 at 7:09 - Reply

    PT vergonha nacional. Fora desgraçados.
    Hoje já são 107 dias em greve de professores na Bahia. A maior greve de professores durou 112 dias e foi em Minas Gerais. Se encerrarmos a greve na próxima terça-feira empataremos com o Estado de Minas Gerais. Se encerrarmos a greve na próxima quarta-feira,(dia 1 de agosto) teremos 113 dias em greve.

    Sugiro que não encerremos a greve na sexta-feira,e sim na quarta feira dia 1 de agosto.

  30. MATEU 26 de julho de 2012 at 2:57 - Reply

    Acredita em IMPRENSA MARROM quem quiser e quem não foi lá, na Assembleia confirmar – Apos tantas mentiras de que aulas iriam voltar com uma semana – tem até professor acreditando em TV. E se tem aquele professor que , ao invés de ir para o debate na Assembleia Geral, ficam em casa com a boca cheio de dentes esperando a morte chegar. Bem colegas, estou , e mesmo tendo dificuldades, não sei aonde consigo forças, mas a resposta é uma s´: participo, sou grevista ativo e isso me ajuda a repor as baterias. ” POVO UNIDO É POVO FORTE, NÃO FOGE A LUTA., NOS FOGE A MORTE — A LUTA É MINHA, TAMBÉM É SUA, VENHA PRA CÁ QUE A GREVE CONTINUA

  31. Professor Conciente! 26 de julho de 2012 at 2:25 - Reply

    Por mim a greve só deve acabar quando conseguirmos os nossos direitos e com a revogação da lei nefasta. ANO LETIVO JÁ ERA NÉ COMPANHEIROS? Agora os pêlegos deixaram a greve e voltaram para sala de aula com rabinho entre as pernas. Se eu fosso o JWAIA botava pra F…. em toda a categoria pra aprender a não fazer mais greve e eu ainda vou ver professor chorar o leite derramado. Aguardem e confie… E A GREEVE CONTINUA…..

  32. Emerson Alleluia 26 de julho de 2012 at 1:13 - Reply

    Companheiros é chegada a hora de avaliar o movimento na perspectiva de que vencemos uma batalha embora não tenhamos ganhado a guerra. O fogo amigo, que ora atinge os professores forçando-os a escolher entre comer ou travar uma luta pela educação, nos impõe uma triste conclusão; até que ponto UM INDIVÍDUOS políticos e politizados resiste a necessidades que temos de nos nutrirmos pelo suor do nosso rosto. A coragem de fazer um movimento por melhores condições de TRABALHO deste porte deve ser igualmente comparado, pesado e repensado aos motivos que serviram de base para o início desse movimento VITORIOSO. E que servirá de inspiração para novas batalhas em outros setores da sociedade, ou seja, a semente foi lançada, vale a pena SIM, lutar por um ideal, vale apena, sim levantar uma bandeira em prol do interesse coletivo, superando nossos limites sendo altruístas. Mas só não podemos perder de vista os VERDADEIROS motivos que nos conduziram a fazer PARTE DA EDUCAÇÃO, o premente IDEAL DE MUDANÇA e sermos picados pelo orgulho e soberba. Pois Impérios, muralhas e exércitos que se consideraram invencíveis ruíram implodidos na sua essência. A quem diga que a justiça é cega, mas acredito que ela não poderá se calar por muito tempo, pois engana-se aqueles que parecem estar acima da OPINIÃO PÚBLICA. Aquela que por mais que pareça indefesa frágil e inocente, consegue destituir governos, edificar carreiras ou mudar o curso da HISTÓRIA com uma esmagadora força chamada VOTO. E aos demais companheiros de luta, a palavra de ordem deve ser TENACIDADE, endurecer contra o poderio governamental SEMPRE, mas jamais se esquecer dos companheiros que sempre estiveram CONOSCO, lado a lado, a DEMOCRACIA dever ser estampada suprema em nossos discursos; Marilene, Seixas, Rui, PROFESSORES, Pais, Mães, TRABALHADORES dessa NOSSA TERRA, Estudantes, tantos outros personagens e toda a população do nosso Estado da BAHIA precisam ser lembrados a cada passo, a cada instante como as varas desse feixe. Embora com diversos diâmetros, tamanhos e textura vem a SOMAR FORÇAS, que em meio a sua diversidade JUNTAS tem a consistência e são PODER E A TRANQUILIDADE QUE UM MOVIMENTO CLASSISTA PRECISA E TEM A SEU FAVOR PARA REPRESENTAR ESSA NAÇÃO A QUAL TAMBÉM FAÇO PARTE, QUE ESTÁ EM TODA PARTE, NO MUNDO INTEIRO E ATRAVESSA GERAÇÕES O PROFESSOR.

  33. Glauco 26 de julho de 2012 at 0:05 - Reply

    O comentário do Vitor Santana me fez levantar uma questão: a obrigação de oferecer educação pública aos estudantes é do estado ou dos professores? É claro que é do estado. O judiciário está condenando os professores e fazendo vista grossa à incompetência do estado, ou melhor, ao poder executivo, em dar uma solução para o impasse.

  34. PURA VERDADE 25 de julho de 2012 at 23:31 - Reply

    Em meio a tantos intelectuais, chego a questionar, de forma espantosa, o tamanho da BURRICE em insistir nessa estratégia que não funciona, em meio ao cenário instalado. Será que é díficil enxegar que ninguém mais olhará para nossa causa?
    Justiça comprada, oposição inexistente (acordos políticos já foram feitos, antes mesmo da greve começar!), sindicato com rabo preso no passado e o mais nefasto: um Governo bastante seguro de suas decisões.
    Pelo amor de Deus, vamos pensar em outra estratégia, pois essa de greve já está sufocando os mais fracos, professores e alunos humildes. No portal da SEC já consta uma série de ações de replanejamento. Acreditem que o mais alto grau de exploração nos espera, com direito a PAIPE, relatórios, planejamentos coletivos e, pra fu-d com tudo, com os mesmos salários!
    Chega de intolerância e BURRICE….Vamos voltar enquanto a população ainda reconhece a nossa LUTA e nos respeita; enquanto ainda não formos escurraçados pelas decisões enganosas/falhas da justiça baiana, que só nos cobrirão de imensa humilhação!
    ESSA É A VERDADE QUE TODOS NÃO GOSTAM, MAS PRECISAM ENGOLIR (não estou a mando desse governo, que por sinal não teve, nem nunca terá o meu voto. PT nunca mais e, como todos sabem, a categoria é vítima de sua própria cria!.
    Observação: para os que acreditam em milagres, papai Noel e no PT: Dilma decretou que funcionários estaduais podem substituir funcionários federais da ANVISA e Receita Federal. Mais uma medida enfraquecedora de movimentos paredistas. Mais uma prova de que enfraquecer greve é um PROTOCOLO adotado de forma conjunta pelos governantes desse nojento partido. VOTEM EM PELEGRINO, VOTEM EM ADEMAR, VOTEM EM ALICE, VOTEM EM RUY…VOTEM NA NOSSA DERROTA ETERNA!

  35. selma 25 de julho de 2012 at 22:09 - Reply

    Pelo amor de Deus pensem nas pessoas que só tem esse salário para sobreviver, temos que reconhecer que perdemos a batalha mas não a guerra e a luta continua.

  36. job,o professor oprimido 25 de julho de 2012 at 20:39 - Reply

    Voltem covardes!alimentem o sistema capitalista e sofram as consequências futuras ,quem se deixa vencer por um governo ditador não deveria ensinar,porque o verdadeiro conhecimento é aquele desmascara mentiras e desigualdades sociais.Que tipo de aluno poderemos formar se nós professores recuarmos diante das dificuldades impostas por um sistema manipulador que nunca priorizará a educação ,pelo contrário ,sucateará cada vez mais nossas escolas, até que a mesma não represente ameaça para as transformações sociais.Acordem professores! a escola deveria ser um ambiente de debate e não de alienação .Não somos capachos,nem empregadinhos do governo,ensinar é um ato político e resistir a falta de respeito e desvalorização da educação em nosso estado ,é o primeiro passo para o resgate de nossa cidadania.

  37. Professor estarrecido 25 de julho de 2012 at 19:39 - Reply

    O bom soldado se exalta pela performance dentro da luta. Quando ferido pede ajuda aos companheiros. Se vencido, vive esse fato com discrição; fazendo desse ato, o último favor à causa.
    Aqueles que fazem da sua desistência um chamamento, põem em dúvida conteúdo de soldado
    Subtraem da possível contribuição que tenham dado, se constrangem e adotam a contra-luta.

  38. Rita Pimentel 25 de julho de 2012 at 19:34 - Reply

    Na História da educação pública baiana a greve de 2012 será um marco, mostramos amadurecimento da categoria e uma luta dolorosa contra a ausência dos poderes constituídos, insistimos por mais de cem dias para o governo cumprisse a LEI DO PISO, brigamos pelos direitos dos colegas aposentados, pela qualidade do ensino público, pelos colegas demitidos, sofremos pelos salários cortados, pelos colegas que adoeceram e faleceram por conta dos desrespeitos e injustiças sofridas. DEVEMOS BUSCAR ESTRATÉGIAS DE LUTA PARA VENCER OS INIMIGOS, INFELIZMENTE A GREVE JÁ NÃO ESTÁ SENDO UM INSTRUMENTO POSITIVO, NÃO PODEMOS SACRIFICAR MAIS OS COLEGAS PROFESSORES NEM OS ALUNOS, ESSE GOVERNO É FRIO E INSENSÍVEL, A LUTA É FEITA DE MUITAS BATALHAS, RECUAR NÃO QUER DIZER DESISTIR, OS COLEGAS DEVEM MANTER A UNIÃO, NÃO É HORA DE DIVERGÊNCIAS…..

  39. VALDEZ 25 de julho de 2012 at 19:05 - Reply

    ESTÁ É A AGENDA DA GREVE PARA SE VINGAR DE PELLEGRINO. NUNCA MAIS VOTO EM TRAIDORES. TODO DIA NA SALA DE AULA. NETO 25. VINGANÇA JÁ. NETO 25 . PODE ACABAR A GREVE. NETO 25

    PALESTRA NA ACADEMIA BAIANA DE LETRAS
    DATA: QUINTA, 26 JULHO 2012, ÀS 19:00.

    Local: Nazaré
    Comente
    ENTREVISTA AO PROGRAMA BRASIL URGENTE
    DATA: QUINTA, 26 JULHO 2012, ÀS 13:00.

    Local: Band (Federação).
    Comente
    CAMINHADA NA LIBERDADE
    DATA: QUINTA, 26 JULHO 2012, ÀS 00:10.

    Concentração: Largo do Guarani
    Comente
    ALMOÇO COM TAXISTAS
    DATA: QUARTA, 25 JULHO 2012, ÀS 12:30.

    Local: Vale do Ogunjá
    Comente
    CAMINHADA EM SÃO CRISTÓVÃO
    DATA: QUARTA, 25 JULHO 2012, ÀS 10:00.

    Local: Ao lado da Cesta do Povo

  40. entregando007 25 de julho de 2012 at 18:48 - Reply

    Olá colegas! Fiquem atento que temos que segurar até aproxima semana para completar 110 dias, a propria APLB sabe que Ministerio da Mec vai intervir nesta bagunça provocada pelo Ditador e Forasteiro WAIA. Sabemos que a situação financeira é péssima para todos + acredito que nossa Familia pode ainda ajudar a ganhar essa batalha a favor dos professores, colegas não podemos condenar colegas Peleigos é uma questão de Força, Ideologia e outros colegas que estão envolvidos com Partido PT e ajudando o ditador.Só saio da greve com a minha classe e se duvida passo fome + não vou voltar e trair meus colegas. Salientando os colegas com ou sem conquista o Assedio Moral-Massacre do Governo vai piorar e depois fiquem lamentando.
    A Hora É essa de Valorizar a Educação
    Fé no Senhor e Muita Resiliência
    Luta

  41. Edilene 25 de julho de 2012 at 18:10 - Reply

    SSA(BA), 25.07.12

    A APLB-Sindicato,

    Aos bravos companheiros da APLB, o que eu continuo sem endender é que após 105 dias de greve e toda a imprensa vem reiteradamente noticiando a mentira da proposta do governo que está propondo 7% de aumento em nov/12 e 7% em mar/13 e até agora sem nenhuma contestação do sindicato!
    Atenciosamente,

    Edilene

  42. Orgulho de ser professor 25 de julho de 2012 at 16:56 - Reply

    Até o último dia que eu estiver em sala de aula! É triste informar a vocês amigos e amigas, mas 108 dias de greve dos profesores, mais 12 dias de greve da polícia, termos aí 120 dias de alunos sem aula. Resultado ANO LETIVO INVIABILIZADO. Essa é a grande verdade e agora
    (DES)GOVERNADOR? E agora
    Sr. SECRETARIO DA EDUCAÇÃO?
    Mesmo os profesores que já voltaram sabem que será impossível validar o ano letivo, mas como os alunos querem mesmo é passar! Se preocupem não pais e alunos a aprovação de vocês nas escolas serão certas, porém o mesmo não posso dizer referente ao ENEM e aos VESTIBULARES e não sinto-me culpado de nada , pois meu trabalhja sempre fiz e sempre farei, pois eu DOU AULA , não enrolo e é provável que ao retornarmos darei mais conta do recado do que muitos que aí já estão dando ” aula “

  43. NA ALBA OU NA RUA! 25 de julho de 2012 at 16:41 - Reply

    A GREVE CONTINUA!!
    NA ALBA OU NA RUA!
    A GREVE CONTINUA!
    NA ALBA OU NA RUA!
    A GREVE CONTINUA!
    NA ALBA OU NA RUA!

  44. PROFESSOR NÃO É PALHAÇO 25 de julho de 2012 at 16:32 - Reply

    O QUE ACHO ENGRAÇADOP É QUE TEM PESSOAS AQUI QUERENDO INFLUENCIAR A CATEGORIA E FICA FALANDO O QUE QUER E O QUE NÃO QUER . SE DIZEM QUE MUITOS PROFESSORES QUERIAM TERMINAR A GREVE E TEVE A OPORTUNIDADE DE VOTAR CONTRA A CONTINUIDADE E POR QUE NÃO SE MANIFESTOU? COMO QUE MUITOS QUERIAM TERMINAR A GREVE E SÓ VI UM , ISSO MESMO UM ÚNICO COLEGA LEVANTAR O BRAÇO PARA TERMINAR A GREVE ? E ESE MESMO NEM PARTICIPOU DA CAMINHADA ATÉ O CORREDOR DA VITÓRIA? PERCEBI UNS 2 MIL PROFESORES NA CAMINHADA , POIS TINHAM MUITOS PROFESSORES COMO VEJA M MEU COMPUTADOR COM AS FOTOS QUE TIREI NA PASSEATA? OUTRA COISA O GOVERNO TENTA POR MEIO MAIS UMA VEZ DA MÍDIA QUERER DIZER QUE O MOVIMENTO JA NÃO EXISTEM MAIS….. MAS SABEMOSO QUEHOUVE FOI ALGUNS COLEGAS PÊLEGOS QUE RETORNARAM AS AULAS OU MELHOR ESTÃO NA SALA FINGUNDO QUE ESTÃO DANDO AULA, POR QUE TIVE COM MUITOS DELES E DISSERAM QUE NÃO TEM ÂNIMO PARA DAR AULA. NESSE CASO PREFIRO ESTAR LUTANDO NA GREVE PARA VER NO QUE VAI DAR! ENTÃO MEUS COLEGAS , FALEI MEUS COLEGAS E NÃO PSEUDOS COLEGAS, CONTINUAREMOS FIRMES E FORTE NA LUTA, POIS É FATO QUE O ANO LETIVO JÁ NÃO EXISTE MAIS, E NÃO ADIANTE ENROLAR, ESSA É A PURA VERDADE , AGORA COLEGAS PÊLEGOS VOLTEM PARA SUAS SALAS DE AULA E FAÇA DE CONTA QUE ESTÃO ENSINADO E APROVEM TODOS OS SEUS ALUNOS. POR QUE PARA OS VERDADEIRS PROFESSORES SÓ RESTA LUTAR ATÉ O FIM!
    E A LUTA CONTINUA….

  45. eu 25 de julho de 2012 at 16:28 - Reply

    Era possível, UM INFILTRADO nas negociações dos sindicatos de Universidades Federais, FALAR COM MERCADANTE e pedir pessoalmente, uma intervenção satisfatória para os professores na Bahia??????

  46. PROFESSOR NÃO É PALHAÇO 25 de julho de 2012 at 16:21 - Reply

    VAI AQUI UM CONSELHOS AOS PROFESSORES PÊLEGOS. SE VOCÊS QUEREM VOLTAR A SLA DE AULA ENTÃO VOLTEM MEUS AMIGOS E DEIXEM OS PROFESSORES QUE DESEJAM CONTINUAR NA GREVE IREM A ASSEMBLÉIA. QUEM ESTÁ IMPEDINDO DE UM PROFESSOR PÊLEGO VOLTAREM A DAR ULA? NINGUÉM NÉ? ISSO É CONVERSA FIADA , POIS A GREVE FOI INICIADA NA ASSEMBLÉIA DOS PROFESSORES E SERÁ ENCERRADA NA ASSEMBLÉIA DOS PROFESSORES ESTOU PASSANDO NECESSIDADE COMO VOCÊS E MANTEREI MINHA POSIÇÃO FIRME ATÉ O FIM, SE A CATEGORIA DECIDIR EM VOLTR COM RABINHO ENTRE AS PERNAS SEREI OBRIGADO A ACATAR, MAS NUNCA INFLUENCIAREI A UM COLEGA TOMAR A DECISÃO DE FICAR OU DE SAIR DA GREVE! PORTANTO PARA MIM A GREVE CONTINUA FIRME E FORTE COMO COMEÇOU! VOCÊS TÃO PENSANDO QUE ENFRENTAR UMA GUERRA É FACIL, SE NÃO IRIAM AGUENTAR PRA QUE ENTROU ENTÃO? POR ISSO DIFICILMENTE ENTRO NUMA BRIGA PARA PERDER , SE VEJO QUE VOU APANHAR CAIU FORA ANTES DE PASSAR VEXAME!
    E A GREVE CONTINUA…..

    • SISSA 28 de julho de 2012 at 20:57 - Reply

      PARABÉNS COLEGA. É ASSIM QUE SE FALA. MOSTROU REALMENTE QUE É UM FORMADOR DE OPINIÕES E UM SER HUMANO DIGNO. REALMENTE ESTOU TB ORGULHOSA DESSA CATEGORIA. VAMOS EM FRENTE. MOSTREMOS AOS NOSSOS ALUNOS QUE PROFESSOR É UM SER QUE TEM MUITO VALOR E QUE DEVE SER BASTANTE RESPEITADO. UM GRANDE ABRAÇO E MUITA FORÇA PARA TODOS NÓS.

  47. eu 25 de julho de 2012 at 16:00 - Reply

    Central de Atendimento do Ministério da Educação – Fala Brasil! meccentraldeatendimento@mec.gov.br

    Mercadante: MEC não abre mão de piso salarial para professores

    Giuliander Carpes
    Direto do Rio de Janeiro
    O ministro da Educação Aloizio Mercadante afirmou nesta segunda-feira que sua pasta não abre mão da manutenção do piso salarial para os professores da rede pública, lei que está gerando muita reclamação de prefeituras e Estados que não conseguirão cumprir com seus compromissos fiscais se aderirem ao plano.
    “É um problema que deve ser discutido, mas o esforço não pode ser de congelar o piso salarial”, afirmou o ministro. “Nós não teremos educação de qualidade se a carreira de professor não oferecer salários mais atraentes”.
    Apesar de manifestar a necessidade de discussão de uma solução, Mercadante garantiu que haverá um aumento de pelo menos 10% no piso para o ano que vem. “Nós temos que criar uma cultura onde a educação é prioridade”, disse.
    Piso nacional
    O novo piso dos professores foi anunciado no dia 27 de fevereiro e elevou o salário dos professores de R$ 1.187,00 para R$ 1.451,00. O valor estipulado para este ano acompanha o aumento do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) de 2011 para 2012, conforme determina a legislação atual.
    Alguns Estados e municípios alegam dificuldade financeira para pagar o valor determinado. Governadores e prefeitos cobram a aprovação de um projeto de lei que altera o critério de correção do piso, que passaria a ser feito com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), que mede a inflação

    ERA NECESSÉRIO VER UMA LUZ NO FIM DO TUNEL, O GOVERNADOR É DITADOR E SÓ VAI CEDER SE O GOVERNO FEDERAL, MANDAR.

  48. aborrecida 25 de julho de 2012 at 15:26 - Reply

    PARABÉNS COLEGAS! ESSE É O POVO .DA BAHIA.!!! GOSTARIA DE SABER QUAIS AS PROVIDÊNCIAS QUE A JUSTIÇA TOMOU EM RELAÇÃO AO MILHÃO E MEIO PAGO A J. PORTUGAL PELOS AULÕES.

  49. DECEPÇÃO 25 de julho de 2012 at 15:14 - Reply

    Colegas estamos esperando mais o que para dar um fim na greve?Aumentar ainda mais a ira dos alunos,seus pais?Não consigo ver uma luz no fim do túnel, perdoe-me.É impressionante a postura dos governantes diante de uma situação dessa.INABALÁVEL,FRIO COMO UM GELO,assim é WAGNER o governador que os professores ajudaram a eleger e agora se volta contra eles.Pretendem ficar em greve até quando?O movimento RACHOU,FRAGMENTOU-SE.

  50. joe 25 de julho de 2012 at 15:12 - Reply

    É só mais um “empurrãozinho” e a “CASA DELES VAI CAIR !!!”

    O desespero, as ameaças, o “cheiro de ratos abandonando o navio”, as mentiras, os prêmios com dinheiro do FUNDEB para diretores aliciar e ameaçar professores, as infiltrações de pessoas estranhas a categoria no movimento … É … QUE AS FÉRIAS FORENSES ESTÃO ACABANDO … E … TJ/BA (Pleno) … vai ter que JULGAR SEGUINDO AS ORIENTAÇÕES E INSTRUÇÕES DO STF … O GOVERNO DESTA VÊS NÃO PODERÁ PROCRASTINAR MAIS … E … NÃO CABERÁ MAIS LIMINARES POIS SERÁ JULGADO O MÉRITO DA AÇÃO.

    Quanto a uma possível manipulação do PLENO, tipo prejuízos a “estudantada”, e TENTAR COLOCAR A EDUCAÇÃO COMO SERVIÇO ESSENCIAL(Não está incluída na Lei que regula esses serviços) para julgar a nossa greve ilegal … NÃO CABE … POIS O CULPADO MAIOR LEGALMENTE DE FORMA IRREFUTÁVEL É O GOVERNO … ELE E SÓ ELE É OBRIGADO A FAZER CUMPRIR OS 200 DIAS LETIVOS (Respeitando a Ordem Jurídica, é claro)… e tem mais … LDB e ECA neles !!!

    Por isso, FIRMES, é no máximo até o 10 de agosto !!!

    SE VOLTARMOS SEM O JULGAMENTO. PERDEREMOS TUDO PELO QUE LUTAMOS ATÉ AQUI !!!

  51. Andréia 25 de julho de 2012 at 15:07 - Reply

    Qual a pauta da assembleia de sexta? O diálogo vai acontecer com quem? Professor mais professor?

  52. Ana 25 de julho de 2012 at 13:55 - Reply

    Vejo comentários aqui que a greve já acabou vou retornar…para mim e muitos colegas do colégio que leciono não acabou,mesmo que reda e 3 colegas retornaram. Não aceito essa proposta do governo,acredito que os que retornaram aceitam,é isso que diretores e governo colocam.Só retorno com a categoria decidindo em assembléia, prefiro voltar sem nada que aceitar a desproposta do governo.Acredito que mereço o aumento linear do Piso,ainda temos recurso que precisa ser julgado pelo STF,que só retorna em agosto.A LUTA É FORTE QUANDO VOCÊ SEGUE FIRME NA CONQUISTA DO QUE ACREDITA.

  53. Indignação 25 de julho de 2012 at 13:07 - Reply

    Pra mim chega de greve, chega de APLB, chega de Wagner e PT. Cabula voltou e eu vou voltar também, a greve já acabou a muito tempo.

  54. Serena Araújo 25 de julho de 2012 at 12:47 - Reply

    URGENTE!!
    PETIÇÃO PÚBLICA DOS PROFESSORES ESTADUAIS DA BAHIA
    ACIONE O LINK E PARTICIPE DO ABAIXO ASSINADO.
    http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2012N26950

  55. Embargadora 25 de julho de 2012 at 12:25 - Reply

    PT vergonha nacional. Fora desgraçados.
    Hoje já são 106 dias em greve de professores na Bahia. A maior greve de professores durou 112 dias e foi em Minas Gerais. Se encerrarmos a greve na próxima terça-feira enpataremos com o Estado de Minas Gerais. Se encerrarmos a greve na próxima quarta-feira,(dia 1 de agosto) teremos 113 dias em greve.

    Sugiro que não encerremos a greve na sexta-feira,e sim na quarta feira dia 1 de agosto.

  56. sem nome 25 de julho de 2012 at 12:25 - Reply

    a maioria dos colegios em salvador esta funcionando chega de polo

  57. tleone 25 de julho de 2012 at 12:13 - Reply

    Por mais necessidade que estajamos passando, retornar agora é estupidez.

    Se não querias lutar para que viestes à guerra.

    Mais uma vez fica aí a sugestão para os que retornaram ou retornarão.

    Voltar as unidades e fazer greve la dentro ou voltar as salas com operação tartaruga. E pedir a Deus para que os alunos se revoltem.

    Não pude comparecer a todas as assemminimo que podia faze era manter a greve e não rey

  58. OLHO DE TANDERA 25 de julho de 2012 at 10:48 - Reply

    Percebí ontem na assembléia que muitos professores querem voltar ao trabalho mas temem manifestar esse desejo com medo de vaias.A verdade é uma só.ACABOU!!!!Quem acredita que Wagner vai voltar atrás,surtou mesmo.Espero que publiquem essa mensagem.

    • antonio 25 de julho de 2012 at 22:52 - Reply

      Fim da GREVE!!! Estamos voltando em Salvador também!!!

    • Verônica 26 de julho de 2012 at 10:22 - Reply

      Colega, não julgue as pessoas pelo seu próprio ponto de vista. Se você queria que a greve acabasse e não levantou a mão, isso é um problema seu e da sua consciência!
      Ao invés de estar jogando água fria numa luta justa e aguerrida, você deveria se calar, ou dar apoio aos colegas, principalmente aqueles que estiveram por três meses acampados na assembléia legislativa, enfrentando condições hiper adversas, mas mesmo assim, não desistiram da luta.

  59. AFLITA 25 de julho de 2012 at 10:16 - Reply

    Quando voltar-mos à sala,vamos enfrentar outra batalha:os alunos fazendo cobranças,críticas e o que é pior,com os bolsos vazios.MISERICÓRDIA SENHOR!!

  60. Mary 25 de julho de 2012 at 9:31 - Reply

    Olá pessoal, muita paz.

    Olha o que Medrado comentou no jornal A Tarde de hoje.

    Uma coisa não se pode negar diante da greve dos professores do Estado, há mais de cem dias: a valentia desses subassalariados diante do que fazem, que, em mesmo passando dificuldades de toda natureza, até fome, não se intimidam diante de um governo – aí vem a ironia da roda da vida – que se formou na forja ardente das greves e lutas sindicais.

    Experiência de liderar movimentos grevistas não falta ao governo, razão pela qual apostou no esvaziamento da ação, como, aliás, também faz o governo federal; não funcionou. Tenta voltar a opinião pública contra os grevistas, com peças e mais peças em veículos de comunicação, mas não funcionou – curiosamente, não vi peça alguma do sindicato representante dos professores, por que será? A população se sente prejudicada, claro, são milhares de adolescentes fora das salas de aula, mas pontuando alguma insatisfação aqui e ali, vê-se uma nova mentalidade se formando, onde o raciocínio paira em um trabalho com empenho e consequente recompensa, não adiantando, assim, o estar na sala de aula por estar. Há quem diga também que a greve se tornou em objeto político, mas qual a que não é? Os defensores de ontem, de movimento dessa natureza, sumiram, evidenciando que, realmente, o poder tende a encantar, fascinar, inebriar, então valores se perdem, ou, digamos, são substituídos.

    É fato que também alguns professores podem estar extrapolando em atitudes, mas, seguramente, não se pode chamar nem de minoria, pois são casos pontuais. Com tudo isso, os professores estão fazendo história neste solo azul, vermelho e branco, pois “nunca antes na história” de há muito deste Estado uma categoria firmou seus princípios e ideais tão firmemente que deixou sem ação quem é considerado grande negociador, o Governador da Bahia.

    Alguns reclamam que está havendo desobediência às decisões judiciais; são, no entanto, exemplos que estão sendo seguidos. Dê no que der, certo é que daqui para frente qualquer categoria que vier a deflagrar alguma greve vai se lembrar do que aconteceu neste 2012, com esses valentes e bem ousados professores.

    José Medrado
    Mestre em família pela Ucsal e fundador da Cidade da Luz

    postado por José Medrado às 09:08 | 0 Comentários

    domingo, 22 de julho de 2012

    Telas mediúnicas pintadas no Bahia Salvador Hall em 19.97.12

    Telas mediúnicas que pintei publicamente no evento da AMAR Sociedade de Estudos Espíritas, dia 19, no Bahia Salvador Hall, entre 5 e 13 minutos cada.

  61. Felix S. Santos 25 de julho de 2012 at 9:11 - Reply

    SÃO FELIPE TOTALMENTE PARADO E FIRME NA LUTA .

  62. Débora 25 de julho de 2012 at 8:47 - Reply

    Acho que Wagner não atenderá mais nada que pedirmos,por um simples motivo:a greve enfraqueceu,pois não existe movimento grevista com professor na sala de aula.O interior do Estado praticamente voltou ao normal,com professores trabalhando como se nada tivesse acontecendo.Cabe a nós voltarmos sim, porém elaborar novas estratégias de luta.Quatro meses sem salário é impossível galera.Quem acha que ele vai recuar a essa altura do campeonato ,surtou.

  63. Augusto 25 de julho de 2012 at 7:54 - Reply

    QUEM SABE DILMA … … dê uma graninha prá WAGNER (acabar a greve da BAHIA)?????

    …PUBLICADO dia 24-07-12…no portal IG…

    terça-feira, 24 de julho de 2012Nota anterior
    Todas as notas

    Breve análise | 20:59
    Dilma abre os cofres para acabar com as greves

    Compartilhe:Twitter

    Grevistas no Planalto: sinal verde de Dilma (Foto: ABr)

    A despeito da frustração do mercado com o crescimento do PIB este ano, a equipe econômica está, até agora, arrancando elogios de analistas devido à política fiscal, sobretudo na recusa do governo em oferecer reajustes aos servidores públicos.

    Um dos analistas que destacaram esse ponto, em entrevista ao Poder Econômico, foi o economista-chefe do Itau-Unibanco, Ilan Goldfajn, também ex-diretor do Banco Central.

    - O governo está começando a expandir, mas não estou vendo os gastos explodirem este ano. Há controle dos gastos com funcionalismo – tanto que tem várias áreas em greve – disse Goldfajn.

    No entanto, como percebeu o presidente da Federação Nacional dos Urbanitários, Franklin Moreira, em conversa com o Poder Econômico, o governo está claramente com outra postura – talvez por ser obrigado a lidar com tantas greves em ano eleitoral.

    Hoje, o governo atendeu reivindicações dos professores. Amanhã, será a vez dos eletricitários. Ou seja, mesmo com certa “parcimônia”, como se diz no BC, Dilma Rousseff abriu os cofres.

    No Ministério do Planejamento, a ordem do Palácio do Planalto é clara. A negociação está mais para o lado dos funcionários grevistas. O governo está calculando, segundo um integrante da equipe de Miriam Belchior, que a continuação do quadro de paralisação, especialmente nas agências reguladoras (Anvisa, principalmente, por causa dos portos), pode prejudicar a retomada da economia no segundo semestre.

    Para acabar com as greves, o cálculo preliminar do Ministério da Fazenda é que a folha de pagamento da União pode aumentar em até R$ 90 bilhões, quase a metade do total pago hoje a funcionários federais.

    O governo não deve ceder um montante desses, mas Dilma teria acordado em repassar algum aumento para amenizar os ânimos de olho no desempenho da economia entre janeiro e dezembro. Ou nas urnas em outubro.

    Colaborou: Nivaldo Souza

    Leia também:

    Governo amplia pacote do reajuste de professores para R$ 4,2 bilhões

  64. Tony 25 de julho de 2012 at 7:42 - Reply

    O governo federal fez uma nova proposta aos professores das universidades para ser paga até 2015 e tudo indica que vão aceitar.Por que os professores do Estado também não cedem e fazem uma nova proposta reajustando o piso até 2013 mas sem curso?É melhor garantir desse jeito do que continuar no impasse e voltar sem nada, não acham?

  65. Letícia 24 de julho de 2012 at 23:21 - Reply

    Pra mim chega. Cabula já voltou e eu volto amanhã. Greve nunca mais e PT que vá a m….

  66. Beni 24 de julho de 2012 at 23:17 - Reply

    A greve já chegou ao fim. Tá mais do que provado que o Governador da Bahia está acima do STF, STJ, MEC etc.

  67. Professor Ailson 24 de julho de 2012 at 22:05 - Reply

    “A paciência tudo alcança. Quem tem a Deus, nada falta;só Deus lhe basta.”
    Santa Terezinha do Menino Jesus.

  68. GLAIDON 24 de julho de 2012 at 21:39 - Reply

    O governo federal propôs reajuste de 25 a 40% para os professores das universidades federais com finalidade para acabar com a greve.
    Esperamos que nosso Malwagner se espelhe e retome as negociações.
    Força, apesar de todos os problemas, não devemos morrer na praia.
    Maiores informações http://br.noticias.yahoo.com/governo-prop%C3%B5e-reajuste-25-40-professores-225815088.html

  69. araujo 24 de julho de 2012 at 21:38 - Reply

    MANIFESTAÇÃO DE CAUSAR INVEJA A QUALQUER CATEGORIA E ORGULHO PARA OS GUERREIROS DA EDUCAÇÃO.
    ESPÍRITO DE LUTA E CIDADANIA.
    PASSEATA DA IDIGNIDADA PELA TRUCULÊNCIA DO GOVERNADOR, TRANSITO INTERROMPIDO, PESSOAS APLAUDINDO, PAPEL PICADO, APITOS E PALAVRAS DE ORDEM. CHEGAMOS A RESIDÊNCIA DO GOVERNADOR ( 3.7 MILHÕES ) LAVAGEM SIMBÓLICA.
    O MOVIMENTO CONTINUA.
    ESTOU ORGULHOSO DA RESISTÊNCIA.
    PARABÉNS PROFESSORES PELA LIÇÃO DE CIDADANIA.
    PARABÉNS COMANDO DE GREVE.
    JÁ SOMOS VENCEDORES.

  70. Prof. Adilson, de Itabuna. 24 de julho de 2012 at 20:49 - Reply

    É um tanto incoerente, de sua parte, não é mesmo, governador, permitir que uma greve da educação se perdure por mais de três meses num Estado que é o segundo pior em educação no país?

  71. Prof. Adilson, de Itabuna. 24 de julho de 2012 at 20:43 - Reply

    Governador, a UNESCO, a ONU e as autoridades internacionais já estão questionando o por quê de uma greve tão longa em um Estado que é o 2º pior em educação do país. Vigiai, pois quase todos já sabem, inclusive, a população, o verdadeiro porquê de sua falta de investimento merecido na educação da Bahia.

  72. PROF. ADRIANOV ZHUKOV / TCHÊ 24 de julho de 2012 at 20:15 - Reply

    SIGNIFICADO DE PELEGO….PARA MINHA FILHA CONTINUAR A LUTA TCHÊ….

    SIGNIFICADO DE PELEGO….PARA NOSSOS FILHOS CONTINUAREM A LUTA TCHÊ….

    PARA SE LER , REFLETIR TCHÊ….

    NA VITÓRIA E NA DERROTA…O MAIS IMPORTANTE É SE INDIGNAR COM

    A INJUSTIÇA, COM ÉTICA E COERÊNCIA, É ISTO QUE MINHA FILHA

    APRENDE COM A MINHA PESSOA TCHÊ…..

    Afinal, como dizia a saudosa Elis Regina ( GAÚCHA ), corajosa e
    lutadora, inflexível na defesa do que julgava certo, ?a gente pode até
    morrer teso, mas nunca perderemos a pose?. Tudo me pode ser tirado, mas
    não se pode tirar a coragem de lutar de uma pessoa decidida. Recuso-me a
    ter medo de viver. Quando preciso, lutarei novamente, com
    tranqüilidade. Ser pelego? Jamais passarei por essa vergonha.

    Pelego é aquele trabalhador que se deixa montar
    pelo patrão; é o que não consegue reagir frente à humilhação; é quem
    não luta por seus direitos, por medo das conseqüências; é o pusilânime
    que se esconde atrás de desculpas esfarrapadas para justificar a própria
    covardia; o que não tem coragem de lutar, o puxa-saco de pai e mãe, o
    rapa-pés; o que se abaixa tanto que acaba mostrando o traseiro; o homem
    ou mulher sem espinha dorsal e que se dobra às intempéries da vida, o
    sangue-de-barata, o COVARDE, enfim, que se esconde atrás daqueles que
    lutam, aproveitando da peleja alheia como um parasita. A imagem que me
    vem à mente quando vejo um pelego é a de um RATO, andando pelos cantos,
    assustado e medroso. Pelego é aquele trabalhador que não sabe o
    significado da palavra solidariedade, o egoísta que não consegue ver
    nada além de suas próprias e momentâneas necessidades; é aquele
    trabalhador que, terminada a greve, não consegue olhar nos olhos de seus
    companheiros, porque sabe que é uma sub-pessoa, pedaço de gente, pois
    lhe falta uma parte essencial de todo ser humano que se preze: o brio, a
    coragem, o amor próprio, a nobreza, enfim.

    Não há dinheiro no
    mundo que pague a dignidade, o fato de se olhar no espelho ao acordar e
    ver uma PESSOA (e não um covarde, como vêem os pelegos). Troco qualquer
    reajuste, qualquer vantagem, qualquer coisa pelo direito de ser uma
    pessoa, íntegra, modelo para meu filho, alegria de meus amigos, orgulho
    de minha companheira.

    Sinônimos: traidor capacho puxa-saco sem convicção caxias fura greve
    frouxo submisso engrossador de fileira seguidor baba-ovo bajulador
    dedo-duro traíra quinta-coluna puxa saco baba ovo

    O termo pelego foi popularizado durante a era Vargas, nos anos 1930. Imitando a
    Carta Del Lavoro, do fascista italiano Mussolini, Getúlio decretou a Lei de
    Sindicalização em 1931, submetendo os estatutos dos sindicatos ao Ministério do
    Trabalho. Pelego era o líder sindical de confiança do governo que garantia o
    atrelamento da entidade ao Estado. Décadas depois, o termo voltou à tona com a
    ditadura militar. ?Pelego? passou a ser o dirigente sindical indicado pelos
    militares, sendo o representante máximo do chamado ?sindicalismo marrom?. A
    palavra que antigamente designava a pele ou o pano que amaciava o contato entre
    o cavaleiro e a sela virou sinônimo de traidor dos trabalhadores e aliado do
    governo e dos patrões.

    Pessoa que gosta de agradar o chefe, conhecido também como “puxa-saco”,
    “dedo-duro” ou “traíra” na gíria do trabalhador.

    O João é o maior pelego que eu conheço! Foi na reunião do sindicato e votou a
    favor do patrão!

    Pessoa ou entidade que não age com honestidade. Procura sempre seus próprios
    interesses e se vende (deixa-se comprar) com facilidade.

    A palavra tem como origem o pelego utilizado pelos cavaleiros gaúchos. Trata-se
    de um pedaço de lã de carneiro, colocado sobre a sela e preso por uma tira de
    couro chamada barrigueira, para que não escorregue. Sua função é amaciar o
    assento do arreio de lida com o gado.

    Essa postura intermediária, por analogia, passou àquele que deveria representar
    os trabalhadores, mas os amacia, para que estes não lutem por seus interesses.
    Trata-se de ofensa muito grave no contexto sindical, utilizada pelo menos desde
    os anos 40.

    PRØF. ADRIANØV ZHUKØV

    http://www.flogao.com.br/zhukov

    http://www.zhukov.flogbrasil.com.br

    http://www.youtube.com/user/191724?feature=mhee

    TEL- 0XX71 88214763
    0XX51 85405089

    “”"”SOU PROFESSOR CONTRA A ORDEM CAPITALISTA VIGENTE QUE INVENTOU
    ESTA ABERRAÇÃO: A MISÉRIA NA FARTURA”"”…..

    ( PAULO FREIRE )

  73. PROF. ADRIANOV ZHUKOV / TCHÊ 24 de julho de 2012 at 20:09 - Reply

    SIGNIFICADO DE PELEGO….PARA MINHA FILHA CONTINUAR A LUTA TCHÊ….

    SIGNIFICADO DE PELEGO….PARA NOSSOS FILHOS CONTINUAREM A LUTA TCHÊ….

    PARA SE LER , REFLETIR TCHÊ….

    NA VITÓRIA E NA DERROTA…O MAIS IMPORTANTE É SE INDIGNAR COM

    A INJUSTIÇA, COM ÉTICA E COERÊNCIA, É ISTO QUE MINHA FILHA

    APRENDE COM A MINHA PESSOA TCHÊ…..

    Afinal, como dizia a saudosa Elis Regina ( GAÚCHA ), corajosa e
    lutadora, inflexível na defesa do que julgava certo, ?a gente pode até
    morrer teso, mas nunca perderemos a pose?. Tudo me pode ser tirado, mas
    não se pode tirar a coragem de lutar de uma pessoa decidida. Recuso-me a
    ter medo de viver. Quando preciso, lutarei novamente, com
    tranqüilidade. Ser pelego? Jamais passarei por essa vergonha.

    Pelego é aquele trabalhador que se deixa montar
    pelo patrão; é o que não consegue reagir frente à humilhação; é quem
    não luta por seus direitos, por medo das conseqüências; é o pusilânime
    que se esconde atrás de desculpas esfarrapadas para justificar a própria
    covardia; o que não tem coragem de lutar, o puxa-saco de pai e mãe, o
    rapa-pés; o que se abaixa tanto que acaba mostrando o traseiro; o homem
    ou mulher sem espinha dorsal e que se dobra às intempéries da vida, o
    sangue-de-barata, o COVARDE, enfim, que se esconde atrás daqueles que
    lutam, aproveitando da peleja alheia como um parasita. A imagem que me
    vem à mente quando vejo um pelego é a de um RATO, andando pelos cantos,
    assustado e medroso. Pelego é aquele trabalhador que não sabe o
    significado da palavra solidariedade, o egoísta que não consegue ver
    nada além de suas próprias e momentâneas necessidades; é aquele
    trabalhador que, terminada a greve, não consegue olhar nos olhos de seus
    companheiros, porque sabe que é uma sub-pessoa, pedaço de gente, pois
    lhe falta uma parte essencial de todo ser humano que se preze: o brio, a
    coragem, o amor próprio, a nobreza, enfim.

    Não há dinheiro no
    mundo que pague a dignidade, o fato de se olhar no espelho ao acordar e
    ver uma PESSOA (e não um covarde, como vêem os pelegos). Troco qualquer
    reajuste, qualquer vantagem, qualquer coisa pelo direito de ser uma
    pessoa, íntegra, modelo para meu filho, alegria de meus amigos, orgulho
    de minha companheira.

    Sinônimos: traidor capacho puxa-saco sem convicção caxias fura greve
    frouxo submisso engrossador de fileira seguidor baba-ovo bajulador
    dedo-duro traíra quinta-coluna puxa saco baba ovo

    O termo pelego foi popularizado durante a era Vargas, nos anos 1930. Imitando a
    Carta Del Lavoro, do fascista italiano Mussolini, Getúlio decretou a Lei de
    Sindicalização em 1931, submetendo os estatutos dos sindicatos ao Ministério do
    Trabalho. Pelego era o líder sindical de confiança do governo que garantia o
    atrelamento da entidade ao Estado. Décadas depois, o termo voltou à tona com a
    ditadura militar. ?Pelego? passou a ser o dirigente sindical indicado pelos
    militares, sendo o representante máximo do chamado ?sindicalismo marrom?. A
    palavra que antigamente designava a pele ou o pano que amaciava o contato entre
    o cavaleiro e a sela virou sinônimo de traidor dos trabalhadores e aliado do
    governo e dos patrões.

    Pessoa que gosta de agradar o chefe, conhecido também como “puxa-saco”,
    “dedo-duro” ou “traíra” na gíria do trabalhador.

    O João é o maior pelego que eu conheço! Foi na reunião do sindicato e votou a
    favor do patrão!

    Pessoa ou entidade que não age com honestidade. Procura sempre seus próprios
    interesses e se vende (deixa-se comprar) com facilidade.

    A palavra tem como origem o pelego utilizado pelos cavaleiros gaúchos. Trata-se
    de um pedaço de lã de carneiro, colocado sobre a sela e preso por uma tira de
    couro chamada barrigueira, para que não escorregue. Sua função é amaciar o
    assento do arreio de lida com o gado.

    Essa postura intermediária, por analogia, passou àquele que deveria representar
    os trabalhadores, mas os amacia, para que estes não lutem por seus interesses.
    Trata-se de ofensa muito grave no contexto sindical, utilizada pelo menos desde
    os anos 40.

  74. Aposentado 24 de julho de 2012 at 19:52 - Reply

    O BA TV mostrou que o movimento, no interior, está minando, revelando que as escolas estão voltando parcialmente e/ou integralmente. Será que não dá para mandarmos uma contraproposta retirando o termo “avanço” e sim aumento, além da readmissão dos companheiros que foram demitidos. As vezes, recuar um pouco e levar algo vale mais do que perder tudo. Não vale mostrar a mesma proposta e receber a mesma resposta.

  75. raimunda 24 de julho de 2012 at 19:42 - Reply

    Até o momento tenho resistido, porem não vejo nemhuma alternativa para o fim dessa greve, estou triste e decepcionada,na minha opinião deveriamos terminar a greve
    mesmo sem vitorias , em toda guerra há vencido e vencedor fomos vencidos . Precisamos acreditar nisso ,

  76. eu 24 de julho de 2012 at 19:37 - Reply

    A midia já está trabalhando para o fim da greve, dizendo o que quer sobre ela e não a verdade.
    A reportagem do Ba tv foi bem tendenciosa.
    A ideia é enfraquecer.

  77. Bastidores 24 de julho de 2012 at 18:31 - Reply

    Comenta-se nos corredores doTJ-BA que a greve não pode ser decretada ilegal.Vamos suportar mais um pouco.A hora é essa.

  78. entregando007 24 de julho de 2012 at 18:25 - Reply

    Valeu colegas! Não adianta voltar para a Escola com essa Proposta do Ditador, temos que deixar claro que a Educação é dever do Governo<vamos Ditador contratar seus Jorges e seus professores de Ponta. Quem faz a Educação nesta Terra são esses herois que a 4 meses sem salario cobra o pagamento do Piso que é Lei Federal. O que + gostei na assembleia de Hoje foi ter conhecido o Apartamento do Ditador e Forasteiro em plena Vitoria com vista para a ilha e + comprado com a comissão do Banco do Brasil, quando obrigou todos funcionário públicos a passar do Brasdesco para o BB. Vamos colegas continua a nossa luta.

  79. Mari 24 de julho de 2012 at 17:56 - Reply

    A greve continua e o prejuízo é para TODOS NÓS.
    MAS A BAHIA JÁ NÃO É A TERRA DE TODOS NÓS.
    Está loteada por empreiteiras e grandes empreendimentos internacionais.
    As escolas, sob o comando das terceirizadas dos deputados e seus laranjas, que votam leis a toque de caixa contra os professores, e mapeadas pelas gangs de drogas..

    A baianidade é apenas ícone usado para os megaempreendimentos venderem ingressos, shows, abadas no carnaval etc
    E O POVO EMPOBRECIDO É QUEM PAGA O PREÇO PERDENDO SUA FORÇA E SUA IDENTIDADE.

    Voltei à escola e vi que, se depender de empregos terceirizados e de redas, a greve não continua.

    Na prática a privatização já está acontecendo.

    ESSE MASSACRE QUE WAGNER ESTÁ FAZENDO COM A NOSSA CATEGORIA, com divisão do trabalho dentro das escolas, e os baixos vencimentos, É A PÁ DE CAL NO ENSINO PÚBLICO E GRATUITO.DA BAHIA.
    ..

  80. Maria 24 de julho de 2012 at 16:40 - Reply

    PARABÉNS PROFESSORES.

    DEUS está PRESENTE.
    FORÇA
    UNIÃO
    DIGNIDADE

  81. ALESSANDRO QUEIROZ 24 de julho de 2012 at 16:32 - Reply

    A CADA ENCONTRO ME ORGULHO DE SER PROFESSOR! A CAMINHADA DE HOJE DEMONSTROU MAIS UMA VEZ A FORÇA QUE NÓS ENQUANTO CLASSE E CIDADÃOS POSSUÍMOS. LUTAR POR UM OBJETIVO E RESPEITO NOS DAR UM ENCORAJAMENTO DE SUPERAR ESSES MESES DE SUFOCO IMPOSTO POR UM TIRANETE DE 5ª CATEGORIA! FIQUEI ORGULHOSO DO QUE ESCOLHI SER, AO VER A POPULAÇÃO PARANDO PARA NOS APLAUDIR, BUZINAR EM SOLIDARIEDADE E ATÉ MESMO NOS RECEBER ( CAMPO GRANDE) COM UMA SINGELA CHUVA DE PAPEL. TENHAM ORGULHO COMPANHEIROS, POIS ESSA CAUSA É LEGÍTIMA – É NOSSA E A POPULAÇÃO TEM PLENA CONSCIÊNCIA DO QUE UM PROFESSOR LHES REPRESENTA NA VIDA. AOS COLEGAS QUE NÃO PUDERAM COMPARECER, OS CONCLAMO PARA PRÓXIMA SEXTA, DIA 27 – NO CENTRAL, COMPARECER E UNIR FORÇAS! TENHA UM DIA DE PURA CIDADANIA!!!

  82. Embargadora 24 de julho de 2012 at 14:22 - Reply

    http://www1.folha.uol.com.br/educacao/1125006-professores-da-bahia-decidem-manter-greve-que-completa-105-dias.shtml
    A greve continua. Espero que essa greve chegue ao fim o mais rápido. A greve só dura tanto pois furaram a greve. Deveríamos só deixar receber o dinheiro do Piso salarial quem aderiu a greve. Quem voltou pras salas de aulas deveria NADA receber.

  83. Tullia Maria Erseni 24 de julho de 2012 at 14:19 - Reply

    Sabe quando você estuda a vida toda e vê tudo sendo posto a perder? Não! Você não sabe… A menos que você tenha enfrentado uma greve de cem dias, é difícil de você entender!

    E ninguém se importa! Quem se importaria, afinal? Cada um olha para o próprio umbigo, não é mesmo?

    Eu já ouvi muito falar em luta de classes, greve e tudo mais… Tudo muito justo! Eu só não sabia que os oprimidos poderiam se tornar opressores de primeira linha!

    Professores, vocês reclamam do governo, mas vocês estão agindo como ele… Querem ir até as últimas consequências, doa a quem doer, não importa se vocês ainda têm ou não perspectivas de resolver os problemas! Querem fazer uma carnificina, com sonhos aniquilados por todos os lados. E tudo isso em nome de uma educação de qualidade que, no meu humilde entender, não deveria fazer dos alunos vítimas.

    Mas não se preocupem… A vontade de vocês (professores e governo) será feita! E vocês terão o prazer de serem lembrados como os autores de um dos maiores espetáculos do Brasil: a perda do ano letivo de milhares de alunos! Meus parabéns! Vocês ainda não aprenderam que tudo tem limite!

  84. Andréia 24 de julho de 2012 at 14:13 - Reply

    O diálogo, as negociações acontecerão com quem? O Governador há muito saiu de cena, na verdade nunca esteve, o senhor Secretário de Educação só faz o mesmo pronunciamento, o MP saiu de cena também. Como ficamos? Entendo, aplaudo a luta, a resistência, mas começo a me preocupar desde quando não há nenhum tipo de retorno.

  85. PROFESSORA DESMOTIVADA 24 de julho de 2012 at 13:39 - Reply

    ALGUMAS ESCOLAS JÁ ESTÃO RETORNANDO. OS PROFESSORES ESTÃO ENTRANDO EM CONTATO PARA COMBINAREM UM RETORNO. MUITOS JÁ NÃO SUPORTAM MAIS. POIS, SEM SUPORTE FINANCEIRO NÃO DÁ MAIS PARA MANTER ESTA POSTURA. ENFIM! SINTO-ME ENVERGONHADA; MAS, TEREI QUE RETORNAR JUNTO COM MEUS COLEGAS.
    VOLTAREI, SIM! ENVERGONHADA, HUMILHADA E COM A SENSAÇÃO DE FRACASSO. EMPENHEI GRANDE PARTE DE MINHA VIDA, INVESTINDO EM MEUS ESTUDOS E ESPECIALIZAÇÕES PARA TORNAR-ME UMA PROFISSIONAL COMPLETA. ENTRETANTO, HOJE, VEJO COM BASTANTE PESAR A DESVALORIZAÇÃO DE UMA PROFISSÃO. VOLTAREI! MAS, COM CERTEZA, NADA MAIS SERÁ COMO ANTES. NÃO SOU MAIS A MESMA.
    ESTÁ NA HORA DE REPENSAR MINHA PERMANÊNCIA NA ÁREA DE EDUCAÇÃO.
    PERDOEM-ME, MEUS COLEGAS QUE DECIDIRAM CONTINUAR ESTA LUTA. MAS, O INIMIGO É MAIS FORTE.

  86. PROF. ADRIANOV ZHUKOV / TCHÊ 24 de julho de 2012 at 13:39 - Reply

    NO COLÉGIO CENTRAL ACONTECEU MAIS UMA REUNIÃO DE UNIDADE , COLETIVO E LUTA POR JUSTIÇA TCHÊ……

    APÓS DEBATE, FOI APROVADA A PROPOSTA DE CONTINUAÇÃO DA GREVE , BEM COMO, O QUE SE SEGUE ABAIXO…

    APÓS A ASSEMBLÉIA, CAMINHAMOS ATÉ O CAMPO GRANDE E À RESIDÊNCIA PARTICULAR DE WAGNER, NA VITÓRIA,

    LÁ CHEGANDO, LAVAMOS A PORTARIA ( VITORIA TORRE ) E COM PALAVRAS DE ORDEM DEMOS O NOSSO RECADO.

    AMANHÃ ZONAIS E SEXTA ASSEMBLÉIA…COMPAREÇA TCHÊ…É LÁ QUE TU SE ENCHES DE ÉTICA/UNIÃO E RESISTÊNCIA…

    A GREVE CONTINUA. REUNIÃO DAS ZONAIS NESTA QUARTA. ATO PÚBLICO QUINTA. E ASSEMBLEIA SEXTA-FEIRA
    24 DE JULHO DE 2012 0
    A categoria mantém a greve iniciada em 11 de abril. A decisão foi tomada na assembleia realizada na manhã desta terça-feira, 24 de julho, no Colégio Central.

    Após a assembleia, todos saíram em caminhada até o Campo Grande.

    Nesta quarta-feira, 25, na capital, haverá reunião das zonais no Colégio Central, às 9 horas. No interior as atividades serão realizadas nas delegacias sindicais.

    Quinta-feira, 26, os professores fazem um Grande Ato Público na Praça da Piedade, a partir de 9 horas.

    Na sexta-feira, às 9 horas, assembleia geral no Colégio Central.

    PRØF. ADRIANØV ZHUKØV

    http://www.flogao.com.br/zhukov

    http://www.zhukov.flogbrasil.com.br

    http://www.youtube.com/user/191724?feature=mhee

    TEL- 0XX71 88214763
    0XX51 85405089

    “”"”SOU PROFESSOR CONTRA A ORDEM CAPITALISTA VIGENTE QUE INVENTOU
    ESTA ABERRAÇÃO: A MISÉRIA NA FARTURA”"”…..

    ( PAULO FREIRE )

  87. PROF. ADRIANOV ZHUKOV / TCHÊ 24 de julho de 2012 at 13:38 - Reply

    NO COLÉGIO CENTRAL ACONTECEU MAIS UMA REUNIÃO DE UNIDADE , COLETIVO E LUTA POR JUSTIÇA TCHÊ….

    APÓS DEBATE, FOI APROVADA A PROPOSTA DE CONTINUAÇÃO DA GREVE , BEM COMO, O QUE SE SEGUE ABAIXO…

    APÓS A ASSEMBLÉIA, CAMINHAMOS ATÉ O CAMPO GRANDE E A RESIDÊNCIA PARTICULAR DE WAGNER, NA VITÓRIA,

    LÁ CHEGANDO, LAVAMOS A PORTARIA ( VITORIA TORRE ) E COM PALAVRAS DE ORDEM DEMOS O NOSSO RECADO.

    AMANHÃ ZONAIS E SEXTA ASSEMBLÉIA…COMPAREÇA TCHÊ…É LÁ QUE TU SE ENCHES DE ÉTICA/UNIÃO E RESISTÊNCIA…

    A GREVE CONTINUA. REUNIÃO DAS ZONAIS NESTA QUARTA. ATO PÚBLICO QUINTA. E ASSEMBLEIA SEXTA-FEIRA
    24 DE JULHO DE 2012 0
    A categoria mantém a greve iniciada em 11 de abril. A decisão foi tomada na assembleia realizada na manhã desta terça-feira, 24 de julho, no Colégio Central.

    Após a assembleia, todos saíram em caminhada até o Campo Grande.

    Nesta quarta-feira, 25, na capital, haverá reunião das zonais no Colégio Central, às 9 horas. No interior as atividades serão realizadas nas delegacias sindicais.

    Quinta-feira, 26, os professores fazem um Grande Ato Público na Praça da Piedade, a partir de 9 horas.

    Na sexta-feira, às 9 horas, assembleia geral no Colégio Central.

    PRØF. ADRIANØV ZHUKØV

    http://www.flogao.com.br/zhukov

    http://www.zhukov.flogbrasil.com.br

    http://www.youtube.com/user/191724?feature=mhee

    TEL- 0XX71 88214763
    0XX51 85405089

    “”"”SOU PROFESSOR CONTRA A ORDEM CAPITALISTA VIGENTE QUE INVENTOU
    ESTA ABERRAÇÃO: A MISÉRIA NA FARTURA”"”…..

    ( PAULO FREIRE )

  88. PROFESSORA 24 de julho de 2012 at 13:28 - Reply

    A greve continua até conseguirmos que JWAIA cumpra o acordo! PISO 22,22% JÁ!
    Graças a Deus!

  89. ETEL 24 de julho de 2012 at 12:58 - Reply

    COM DIGNIDADE ESTAMOS CONSTRUINDO A NOSSA VITÓRIA…. AVANTE COMPANHEIROS…CORAGEM .. JUNTOS…UNIDOS , SOMOS VENCEDORES…!

  90. elena 24 de julho de 2012 at 12:55 - Reply

    E haja raça, haja coração, não podemos perder o que foi uma luta para conseguir: Um estatuto.
    Senhor governador vai, e nós ficamos, e nós sempre lutamos, Sempre dialogamos.

    parabéns professores.

  91. vitor santana 24 de julho de 2012 at 12:54 - Reply

    Esqueci de avisar…todos os diretores estão sendo orientados a convocar os professores. Quem recusar voltar será devolvido para a SEC. Fico feliz com essa atitude do governo, quem não quer trabalhar fique em casa assistindo vale a pena ver de novo.

  92. vitor santana 24 de julho de 2012 at 12:52 - Reply

    Uma vergonha essa greve. Essa briga é politica e quem perde somos nos professores. A greve sem será considerada ilegal, pois a corte que julga a ilegalidade sempre vai ver o ponto de vista dos estudantes que estão sendo prejudicados. Voltei a trabalhar, já recebi meu salario de julho integral. O devido aumento não vai ser maior que os juros que estou devendo, fim da greve, pagamento dos atrasados já. FIM DA GREVE.

  93. Franklyn 24 de julho de 2012 at 12:42 - Reply

    Gostei ,Párebens a todos que estão lutado !Pq alguns correro da luta e quando o resultado sair da vitoria ,vai tudo fica d boa tbm ,pq nao fez nada tão indo é pro outro lado o lado de JW, de vez de apoia os amigo.
    Estou com voces!
    FIRME E FORTE.
    NESSA BATALHA EU TO FIRME FORTE EU NÃO FUGO DA RAILHA…

  94. Keyla 24 de julho de 2012 at 12:26 - Reply

    Minha classe, agora, orgulha-me!!!!

  95. Ivo 24 de julho de 2012 at 11:53 - Reply

    Aqui em Ilhéus, mais precisamente, no Colégio Estadual Paulo Américo de Olivieira, onde leciono, nós voltamos com tudo…chega de greve!!!! adesao total dos alunos, professores e comunidade…chega de greve!!!!

    • SISSA 26 de julho de 2012 at 11:39 - Reply

      IVO.

      Pq vc acha que estamos até hj lutando? Temos determinação e força de vontade. Se nd conseguirmos pelo menos lutamos, pois sabemos que uma andorinha só não faz verão.

Deixe seu comentário »