Opções

Ache fácil

Pressão! Mobilização contra o fechamento de escolas da rede municipal de ensino de Salvador continua  

 

A direção da APLB-Sindicato continua firme e em protesto contra o fechamento de escolas, uma medida arbitrária e prejudicial a alunos da rede municipal de ensino, orquestrada pela Prefeitura de Salvador. Nesta segunda-feira (8), com o apoio da APLB-Sindicato, educadores, muitas crianças, mães e pais de alunos prejudicados estiveram reunidos em um grande protesto na frente da Prefeitura de Salvador. As faixas, cartazes, e as declarações das mães de alunos chamaram a atenção da população e de turistas que estavam no local. O brado dos manifestantes era único “Prefeito não feche as nossas escolas”!

Na manifestação, além da direção da APLB, educadores, pais e mães de alunos, assim como crianças das Escolas Municipais Allan Kardec, Cosme de Farias e da Sóror Joana Angélica, as vereadoras Aladilce Souza (PCdoB), Marta Rodrigues (PT), e o vereador Sílvio Humberto (PSB). Hoje são 16 escolas e a tendência é aumentar muito mais! A APLB destaca que a mobilidade, a segurança e os altos Índices de Desenvolvimento da Educação Básica não podem ser desprezados pela prefeitura.

Após a manifestação, o grupo se dividiu e além de tentar marcar um audiência com o prefeito ACM Neto, também se dirigiu até o Ministério Público para protocolar um documento denunciando as medidas arbitrárias de fechamento e nucleação, além de abaixo assinado com assinaturas da comunidade escolar.

Na última sexta-feira (5), a direção da APLB-Sindicato participou de audiência no Ministério Público do Estado da Bahia com a promotora de Justiça Nidalva de Andrade Brito e a Comissão de Educação da Câmara de Vereadores de Salvador. Leia mais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Notícias anteriores:

 

CONVOCATÓRIA: Todas e todos ao ato contra o fechamento de escolas! Dia 08/01 (segunda-feira), em frente à Prefeitura.

ATENÇÃO mães, pais, responsáveis e professora (e)s que têm alunos e alunas nas escolas da Rede Municipal de Salvador que estão sendo fechadas pela gestão municipal!

Convocamos todas e todos para comparecerem à manifestação que será realizada pela APLB-Sindicato e a Comissão de Educação da Câmara, em frente à Prefeitura de Salvador (ao lado do Elevador Lacerda), no dia 08 de Janeiro (Segunda-feira), às 09 horas da manhã.  

Hoje são 16 escolas e a tendência é ser muito mais! Sua presença é fundamental pelo direito à educação pública de qualidade para nossas crianças.

A luta é de todas e de todos, venham!

APLB-Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia

Top