Opções

Ache fácil

APLB SE SOLIDARIZA COM PROFESSORES DE JEQUIÉ QUE LUTAM CONTRA A RETIRADA DE DIREITOS – PREFEITO FAZ MANOBRA COM DECRETO E SUSPENDE O PAGAMENTO DA REGÊNCIA

MOÇÃO DE SOLIDARIEDADE E REPÚDIO

 

A APLB-Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, se solidariza com os trabalhadores em Educação da Delegacia de Jequié, ao mesmo tempo que emite o seu repúdio à atitude do prefeito deste município que de forma abusiva procedeu a publicação do Decreto Municipal de nº 20.091/2019  que determina a suspensão do pagamento da regência aos profissionais do magistério da rede pública municipal de ensino, que em muitos casos representa mais de 50% do salário base, que já está incorporada nos contracheques há mais de 20 anos. Isso sem nenhuma comunicação prévia ao Sindicato ou a categoria. A direção da executiva estadual entende que essa é uma ação desrespeitosa e sorrateira do atual prefeito do Município de Jequié. 

“Os trabalhadores têm o direito de se manifestar de forma pacífica. Essa atitude do prefeito, às vésperas do pagamento salarial da categoria, demonstra truculência, uma manobra com a tentativa de calar a voz dos professores. Somos solidários à luta destes profissionais e não nos calaremos. Vamos denunciar essa atitude rasteira!”, destaca o coordenador-geral da APLB-Sindicato, o professor Rui Oliveira. 

Acompanhe abaixo nota emitida pela Delegacia de Jequié sobre o ocorrido: 

 

 

 

 

Veja o decreto abaixo:

 

Clique aqui para baixar (PDF, 191KB)

Top